terça-feira, 26 de outubro de 2010

Em novembro na revista Camarim...

Ator avaliou o 'ego exacerbado' como o maior inimigo do ator.


Divulgaçao/-Divulgação
Em entrevista à revista "Camarim" de novembro, Tony Ramos revelou o que há nos bastidores dos seus trabalhos: "Quem vai ao meu camarim, se espanta. Só tenho sabonete, creme dental e toalha", disse ele.

O ator julgou o "ego eaxcerbado" como o maior inimigo do ator ."O dia que ele consegue entender que ego não é soberba, fica maravilhoso", avaliou.
   
No ar como o italiano Totó, em "Passione", Tony falou revelou o significado de interpretação para ele. "Simplesmente, não se envaidecer disso. Tentar sentir apenas o que diz a personagem. Feito isso, cumprir a missão, que é entreter as pessoas".

Livre de qualquer superstição, o ator confessa que seu único medo é de não ter saúde. "Essa palavra 'medo' é talvez do desconhecido", diz ele, que costuma ter uma vida regrada, e dorme depois da meia-noite. "Minha mulher grava os capítulos de 'Vale Tudo' para eu assitir no fim de semana", conta.  

Nenhum comentário:

Postar um comentário